Rua Bahia, 92 - Vila Oriental
Diadema - SP - Brasil - 09941-740
Tel.: (11) 3140-1500     rust@rust.com.br
Rua H, quadra 6, lote 16
Pólo de Apoio / Camaçari - BA - Brasil - 42801-170
Tel.: (71) 3644-9650     rustba@rust.com.br

 Áreas de Atuação / METAIS NÃO FERROSOS



METAIS NÃO FERROSOS

Os principais metais não ferrosos são o alumínio, o chumbo, o cobre, o estanho, o níquel, o zinco, o tungstênio, o cobalto, o titânio, entre outros. Todos são largamente empregados nos mais diversos setores da indústria de construção mundial, se destacando o da construção civil.

Um dos processos mais empregados na produção e refino dos metais não ferrosos, é o eletrolítico, que contempla a dissolução de um metal de valor impuro, em um eletrólito, por meio de reações eletroquímicas, seguida pela redução eletrolítica, exclusivamente do íon do metal que está sendo refinado.

As soluções eletrolíticas são extremamente corrosivas, com concentrações de ácido sulfúrico, pH ácido, e temperaturas razoavelmente elevadas, que requerem que suas estruturas das instalações e dos equipamentos sejam construídas com materiais resistentes e sejam protegidas contra a ação corrosiva. Construídas em concreto armado ou aço carbono, devem obrigatoriamente ser protegidas com um sistema de revestimento anticorrosivo "por barreira".

O Plástico Reforçado com Fibras de Vidro - PRFV, bem como os revestimentos FIBERGLASS, são os materiais mais empregados e de maior sucesso no combate à corrosão em instalações, tais como, tanques, células eletrolíticas, pórticos de estruturas das células, passarelas, canaletas, pisos, pisos de porões de recebimento de eletrólito sob as células, sumps, tanques, diques de contenção de diversos produtos químicos. Além disso, também são utilizados em estações de tratamento de água e estações de tratamento de efluentes, das indústrias produtoras e refinadoras de Cobre, Zinco e Níquel no Brasil.

Os revestimentos anticorrosivos especiais, tais como o FIBERGLASS, para uso em células eletrolíticas, pórticos e outros equipamentos e estruturas; o GLASSCOTE 3.000, para revestimento de pisos, passarelas, diques de contenção e porões de recebimento de solução eletrolítica e de lavagem; o POLICRETE 3.000 - Concreto Polimérico que se aplica desde a construção de cuba e/ou células eletrolíticas, canaletas e outras peças especiais utilizadas para isolamento termo elétricos, bases de bombas e bases de equipamentos, tem tido sucesso absoluto no combate à corrosão e no prolongamento da vida útil dos equipamentos em mais de 20 anos de operação.

Principais sistemas de revestimentos anticorrosivos recomendados para o segmento de Metais Não-Ferrosos:

>> FIBERGLASS - Laminado com Fibra de Vidro.
>> FIBERBRICK
>> GLASSCOTE 3000 - Piso anticorrosivo reforçado com Fibra de Vidro.
>> POLICRETE – Concreto polimérico
>> LINHA RESILIT - Rejuntamentos anticorrosivos.
>> FLAKEGLASS - Pintura anticorrosiva industrial de alta performance.

Para obter mais informações, entre em contato conosco pelo e-mail: marketing@rust.com.br




Grupo Rust & Resinar no Facebook


Depoimentos

Receba Newsletter


© 2017 Grupo Rust & Resinar - Todos os direitos reservados. By Guest